A diferença entre o check-in manual e check-in automático

Olá, tudo bem?

Eventualmente recebemos algumas sugestões para que o check-in e o check-out do Contele Gestor de Equipes seja automático.

O nosso check-in e check-out é manual, e iremos explicar o porquê. Mas antes, irei explicar como funciona um check-in e um check-out automático, e um check-in e um check-out manual. Dessa forma, iremos colocar todas as vantagens e desvantagens de cada modo de operar.

Check-in e Check-out automático

O check-in e check-out automático utiliza um recurso disponibilizado pelo Google Maps chamado Geofence.

A definição de Geofence é:

Geofence representa uma área geográfica demarcada virtualmente através de coordenadas de GPS, utilizadas em dispositivos móveis, geralmente para monitorar perímetros e notificar usuários que entram ou saem da área da Geofence demarcada.

O check-in e check-out automático nada mais é do que identificar que o usuário chegou perto de uma cerca demarcada. Exemplo: a localização do seu cliente, e ao identificar essa aproximação o sistema considera check-in realizado.

Por que o check-in e check-out automático não é uma boa opção?

Aparentemente a solução parece perfeita, mas tem alguns entraves no dia a dia. Segue nossas objeções em relação ao check-in automático:

Se o usuário se aproximar do local, mas não entrar no cliente, o check-in será realizado, e não necessariamente se dará início a visita, desconfigurando os indicadores de produtividade, que consideramos fundamentais na gestão da equipe.

O GPS do smartphone não tem precisão em vários modelos de aparelho, e com isso o check-in e check-out irá falhar, e isso acaba virando um problema para quem está na rua.

O check-in não é reconhecido ou o check-out fecha a atividade sem o usuário ter concluído, ou não identifica o deslocamento, e com isso não faz check-out.

Analise este exemplo de um sistema do mercado, que utiliza o check-in e check-out automático. Veja o depoimento de alguns usuários:

check-in e check-out

O que era para facilitar a vida do usuário, na prática, acaba sendo um tormento.

Check-in e Check-out manual

O check-in e check-out manual trabalha com a interatividade do usuário, ou seja, o usuário diz ao aplicativo quando ele chegou na visita e quando ele saiu.

Apertando o botão de check-in e check-out, o sistema compara as coordenadas do smartphone com as coordenadas do local e se estiver tudo certo, confirma-se o check-in e o check-out.

A partir da indicação do usuário, as métricas de produtividade são mais confiáveis. Sobretudo, serão aproveitadas dentro do sistema para traduzir vários indicadores. Exemplo: visitas atrasadas e duração da visita.

A grande objeção desse modelo é depender do usuário não esquecer de realizar a operação, porém, existem mecanismos de lembrete que vão evitar que isso aconteça, como o lembrete do check-in e check-out.

E também, se o usuário esquecer de realizar o check-in e check-out, ele pode não receber reembolso de visitas e perder pontos na sua performance.

Esse modelo, tecnicamente falando, é muito mais confiável, e os resultados para o gestor são sólidos e indicam disciplina, pontualidade, organização e foco do seu time.

Gostou ? Vamos experimentar grátis?