Seu funcionário externo dá o melhor de si ou faz o que dá?

Olá, tudo bem?

Hoje trago uma reflexão importante sobre seu funcionário externo dar o melhor de si ou simplesmente fazer o que dá.

Quando digo “dar o melhor de si”, me refiro a fazer o melhor possível com as condições existentes, e isso é muito diferente de fazer o que dá para fazer.

Um profissional que faz o seu melhor conhece bem as limitações de estrutura da sua empresa, mas não usa isso de desculpa para entregar seus resultados.

Quem faz o seu melhor, faz questão de fazer com capricho, e entrega o seu trabalho de forma surpreendente. E isso não tem nenhuma relação com o fato do seu salário ser alto ou baixo.

Um profissional que faz o que dá para fazer, simplesmente é medíocre.

Antes de discordar de mim, veja o que significa: “Ser medíocre é ser mediano, ou seja, na média”.

Um líder não pode ser medíocre, e deve exigir de seu funcionário externo o melhor, nas condições oferecidas naquele momento.
Seja justo, mas não aceite nada que não seja o melhor.

As métricas de produtividade são uma excelente forma de perceber quem está dando o seu melhor, e com dados e fatos ao seu alcance, você irá conseguir exigir o melhor sempre!

Afinal:

“Seu funcionário externo dá o melhor de si ou faz o que dá?”