A motivação da sua equipe externa

Olá, tudo bem?

Hoje iremos falar sobre motivação na sua equipe externa.

A frase mais comum que ouço sobre motivação é: “Meu líder não me motiva.”

E minha resposta sempre é: “E daí?”

Vamos analisar os conceitos de motivação e o seu verdadeiro significado no Wikipédia:

Motivação (do Latim movere, mover) refere-se em psicologia, em etologia e em outras ciências humanas à condição do organismo que influencia a direção (orientação para um objetivo) do comportamento.

Por outras palavras, é o impulso interno que leva à ação. Assim a principal questão da psicologia da motivação é “o porquê do indivíduo se comportar de determinada maneira“.[1] “O estudo da motivação comporta a busca de princípios (gerais) que nos auxiliem a compreender a razão pela qual os seres humanos e animais, em determinadas situações específicas escolhem, iniciam e mantém determinadas ações

Apesar do significado ser extenso, o que fica claro é que a motivação vem do indivíduo, ou seja, ninguém pode “motivar” alguém a fazer algo, a não ser ele mesmo.

Um líder não consegue motivar ninguém a fazer nada, a motivação é individual.

O que um bom líder consegue é prover estímulos que levem o colaborador a se motivar em sua realização.

Um líder tem que ser craque em estímulos e deve conhecer como cada indivíduo é estimulado a se motivar. (cada um é estimulado de uma maneira).

E não pára por aí o papel do líder, tem muito trabalho duro, e o maior desafio é alinhar os objetivos da organização e os estímulos individuais, tarefa semelhante às acrobacias do Cirque du Soleil…rsrsrsrsrs

Mas acredite! Se você como líder, conseguir conciliar os estímulos individuais com os objetivos da sua organização, o resultado será de leões motivados a cumprirem suas metas e suas métricas de produtividade.

Afinal:

“Meu líder não me motiva.” “E daí?”….